ATEM Mini Pro: Tudo o que você precisa saber


0

Gerenciar uma produção de qualidade profissional não é uma missão simples, apesar do grau tecnológico que foi alcançado dentro do universo de equipamentos de filmagem e fotografia. É necessário que o profissional esteja devidamente preparado e familiarizado com os equipamentos e os diversos elementos das produções como sonorização, controle de câmeras, monitoramento da gravação/transmissão etc, todos eles ligados a um switch de qualidade. Todavia, produtos como o ATEM Mini Pro são, efetivamente, capazes de transformar a qualidade do profissional responsável pelo controle das produções em algo que pode ser explorado de maneira mais ágil e até mesmo ousada.

Novos efeitos, maior dimensão de trabalhos sem a necessidade de aumento substancial de espaço e recursos, menor tempo de edição… as possibilidades são quase que infinitas. Tudo dependerá do nível de conhecimento por parte do fotógrafo. E, no fim das contas, proporcionar as condições ideais de trabalho e exploração da criatividade é (e sempre precisará ser) o grande objetivo da indústria tecnológica.

Sabemos que uma aquisição desse tipo não se faz todos os dias. Afinal, será parte do seu orçamento dedicado a um produto que será, basicamente, o seu instrumento fundamental de trabalho. E, porque não, também responsável por construir a sua reputação dentro do meio profissional.

É justamente pensando nesses termos que construímos um verdadeiro guia com as informações mais importantes sobre a ATEM Mini Pro. Desde a sua concepção, passando pelas principais características desse switch e também como fazer o melhor uso do equipamento. Assim, certamente haverá muito mais segurança e informações de sua parte para fazer uma compra qualificada e de riscos muito mais reduzidos.

Surgimento da Blackmagic Design

Um dos elementos mais importantes na compra de um produto dessa envergadura é saber, também, qual a procedência da fabricação do ATEM Mini Pro. Algo que, no caso da companhia australiana, teve origem há menos de três décadas, mas apresenta grau de crescimento louvável diante da forte concorrência existente no mercado da filmagem e fotografia.

A Blackmagic Design surgiu no ano de 2001 graças ao desejo de Grant Petty, profissional que trabalhou por muitos anos angariando expertise dentro da área de produção e pós-produção. Anos esses que foram essenciais no desejo central de motivação: construir equipamentos tecnológicos que ampliassem o leque de opções no mercado tornando-os mais desenvolvidos e também acessíveis financeiramente.

Desde novembro de 2002, quando surgiu a placa de captura DeckLink com sua inovadora característica aliada ao sistema de operação Macintosh OS X, a Blackmagic não apenas ganhou espaço como se tornou uma das principais companhias globais no fornecimento de qualificados equipamentos de produção em filmagem e fotografia. Como também é, evidentemente, o caso do ATEM Mini Pro.

Tamanha foi a curva de crescimento alcançada pela empresa australiana que a estimativa sobre o uso de seus produtos na indústria criativa é bastante numerosa. Ao ponto, inclusive, de ter presença marcada em pelo menos 20 das 30 produções recentes mais vistas entre minisséries, séries e filmes como, por exemplo, Game of Thrones e Modern Family. Provas importantes e quase irrefutáveis de que os produtos desenvolvidos pela Blackmagic Design certamente serão capazes de atender as suas necessidades técnicas por mais elevadas que elas sejam.

Características da ATEM Mini Pro

Agora que você tem maior conhecimento sobre o nível de reputação alcançado pela Blackmagic Design, a fabricante do switch ATEM Mini Pro, é possível dizer que você já esteja mais propenso a analisar com mais calma e confiança as informações referentes ao produto em si.

Afinal, como não confiar em uma empresa que, nesse curto espaço de tempo, já ganhou a confiança até mesmo das gigantes produtoras de entretenimento em todo o globo?

O ATEM Mini Pro é um equipamento que chegou ao mercado em 2020 com a intenção de apresentar recursos ainda mais rebuscados que seu antecessor, batizado de ATEM Mini, e que já proporcionava o gerenciamento de produções ao vivo de programas de TV e produções gravadas uma maior simplicidade de gerenciamento sem perda de qualidade.

Para se ter uma ideia de como a tecnologia desenvolvida pela Blackmagic Design trouxe um caráter revolucionário ao processo de produção e pós-produção, essa linha conta com elementos facilitadores do seu trabalho como, por exemplo:

Quatro entradas de câmera HDMI: A exploração do potencial de gerenciamento desse switch não fica limitado a um único equipamento, algo que chegaria a ser um verdadeiro desperdício. Esse tipo de variedade é ideal para produções que exigem trocas constantes de ângulos que só poderiam ser feitas mediante ao uso de câmeras simultâneas e posicionadas em locais estratégicos para os melhores enquadramentos.

Design intuitivo: Não fique procurando por vários minutos ou mesmo gaste tempo se ambientando com teclados gigantescos e de compreensão que exigem concentração constante. Até mesmo nesse ponto, a Blackmagic Design pensou no trabalho dos profissionais da área criando botões com legendas claras e coloridas, facilitando e, principalmente, agilizando a identificação de funções que você utilizará constantemente.

Configuração simplificada: Deixe de lado a necessidade de passar horas para adaptar o switch ao sistema operacional de forma que ele funcione sem falhas ou delay. Ou mesmo a preocupação de que sua(s) câmera(s) não estarão adaptadas a um equipamento lançado mais recentemente. O ATEM Mini Pro exige unicamente a conexão dos equipamentos em suas entradas e pronto! Os encaixes de formato HDMI são de compreensão quase que universal, adaptada a proporcionar filmagens em qualidade que pode chegar a 1080p.

Sistema operacional embutido: Excesso de programas para gerenciar a sua produção? Não com o ATEM Mini Pro já que, em anexo ao hardware, está incluso não apenas um codificador próprio bem como até mesmo um recurso de controle de cores feito através da tecnologia DaVinci Resolve, outra obra da Blackmagic Design.

Inclusão de streamers em geral: Se equipamentos de outros tempos sequer consideravam a ideia de adaptação a transmissões online, o mesmo certamente não se pode dizer desse switch. Com sua porta Ethernet RJ45 10/100/1000, é possível estar pronto para um stream de vlog, game ou qualquer outra produção usando exclusivamente os recursos previstos pelo ATEM Mini Pro e toda a sua tecnologia de gerenciamento. Sem acúmulo de equipamentos, fios em demasia, apenas o equipamento e sua criatividade!

Onde o uso do ATEM Mini Pro é considerado ideal?

Se você possui ainda algum grau de incerteza em relação a adquirir um produto demasiado tecnológico ou mesmo aquém das suas necessidades, vamos facilitar ainda mais o seu julgamento.

Como vamos fazer isso? Elencando, a seguir, algumas atividades onde, certamente, fazer o uso do ATEM Mini Pro estará plenamente capacitado a atender o trabalho com o maior grau de profissionalismo possível. Assim, torna-se muito mais fácil avaliar como ele se encaixa não apenas dentro do seu orçamento, mas também qual será o nível de utilização que você pode destinar a ele.

– Produção de comerciais, peças publicitárias, séries, minisséries e programas de TV;

– Realização de eventos de pequeno, médio e grande porte com o uso de até quatro câmeras com filmagem em HD;

– Realização de reuniões com a utilização do recurso de slides e projeção de tela através da entrada adaptada a qualquer projetor;

– Gravação ou transmissão ao vivo de streaming voltado a área de vlogs ou games;

Está com alguma dúvida específica sobre o produto? Acha que pode esclarecer mais pontos antes de tomar sua decisão? Use o espaço dos comentários e deixe sua mensagem!


Gostou? Compartilhe com seus amigos!

0

0 Comments

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *